Categoria "Textos e Literatura"
16.out.14
Textos Textos de leitores Textos e Literatura

Saudades amigo

Todos esses meses estudando junto com você e eu só te dei um abraço. Um abraço que na verdade, você me deu. Lembro que esse abraço teve um motivo, foi porque você me acertou uma bolada bem na minha cabeça, tudo foi tão rápido que quando eu percebi eu já estava envolvida em seus braços e todos em volta pedindo para o jogo continuar e então você me largou, pediu desculpas e perguntou se eu estava bem, é claro que eu estava bem, havia acabado de receber um abraço seu, um abraço apertado e envolvente, que eu não estava sentindo nenhuma dor naquele momento.
Eu confesso para você que depois daquele abraço, todo o amor que eu sentia por você renasceu, mas eu não quis me iludir e tratei logo de matar esse amor dentro de mim e hoje vejo que eu estava certa em matá-lo dentro de mim, porque você foi embora este mês.
Você não sabe o quanto eu me arrependo de ter sido só uma colega para você e não uma amiga. Eu me arrependo de ter colocado fins rápidos nas raras vezes em que conversávamos. Você foi embora e não deu nem tempo de me despedir de você, não deu tempo de nós darmos um segundo abraço, não deu tempo nem ao menos de te dizer “Tchau, um dia a gente se vê por aí”.
Agora eu te pergunto: O que fazer com toda essa saudade por você moleque? Agora me diz: Quem é que vai escrever frases motivadoras na lousa da escola? Responde pra mim: Qual pessoa desenha tão bem quanto você? Não existe ninguém igual à você, você é único! Eu duvido que exista no mundo alguém tão alegre quanto você, e sabe de uma coisa? Pra mim, você mesmo distante vai ser sempre aquele garoto com o skate nos pés em busca da felicidade, a procura das mais loucas aventuras sem medo das consequências, mesmo que isso te custe a sua partida.
Você nem sabe, mas este texto eu fiz para você. Com amor e muito carinho.
Texto feitor por: Nanda S. |Tumblr|
  
Envie seu texto,clique aqui para saber mais.

Veja também

03.out.14
Amor Aprendizado Textos Textos de leitores Textos e Literatura

Meus erros

E depois de tanto tempo você ainda continua aqui, dentro de mim, ocupando os lugares mais bonitos em meu coração. De repente, você fez parte de mim e de quem eu sou. O Culpado de todas as minhas mudanças e sacrifícios! Meus erros foram os que te afastaram? Desde o começo eu acho que sim. Tudo culpa sua, tudo culpa minha. 
De diferentes formas aquilo deu errado, mas eu sei que você ainda gosta de mim, e sei que ainda gosto de você. Então nem me venham com o “não era para ser“. Meus erros te afastaram, fomos tão fracos para lutar um pelo outro, orgulhosos e até mesmo medrosos. Meu coração está cansado de lutar, e de até mesmo te esperar. Eu estou aqui, neste maldito canto, esperando que tudo passe e que eu acorde, e perceba que tudo isso foi apenas um pesadelo.
Pensando melhor… Meu coração está machucado demais para continuar te amando. E eu espero, que essa minha espera valha muito a pena, porque eu estou realmente farta, farta disso tudo. Tantas lembranças que ainda permanecem comigo, é porque a nossa música continua tocando, e nossa historia ainda não parou de ser escrita.
Texto feitor por: Joyce Holanda |Blog|
  
Envie seu texto,clique aqui para saber mais.

Veja também

17.set.14
Textos Textos de leitores Textos e Literatura

Até que é possível

Sonhamos alto demais, vamos em busca do que não temos e nos esquecemos cada vez mais daquilo que está ao nosso redor, numa roda eterna de descontentamento. Somos ambiciosos demais, egoístas demais e cada vez mais afastados do que é certo. Nossos ideais mudam de uma hora para outra, na verdade somos tão inconstantes que quase podemos nos considerar seres perigosos. Do pior tipo!
A vida é dessa forma, mudando a todo instante, e nossas prioridades vão deixando de serem prioridades. Colocamos a nossa vida na frente da dos outros, e a de outros na frente de outros.
O fato de sonharmos alto demais é a razão disso tudo acontecer. Sonhar acordado é bonito, não discordo disso, mas atrapalha a vida real. Você se torna tão obcecado pelas suas vontades, os seus objetivos – seus sonhos – que se esquece de que os outros também os têm. Começa a se importar somente com as metas que criou para si mesmo e aí deixa para trás o restante, mas existem tantas pessoas que não entendem que tudo a nossa volta tem beleza… Que cada pedaço de terra, o som do vento e esse céu azul infinito são as únicas obras de arte a serem levadas em conta. 
Fugir para longe, viver uma aventura e alcançar o impossível é simplesmente a melhor coisa que pode existir nessa vida. Livrar-se das amarras e voar para longe, rumo ao próprio sonho e aflorar seus sentimentos. Isso pode parecer tentador, mas não acho que deva ser seguido à risca. Por que não mudar sua vida aqui mesmo, onde está? Para quê ir para longe e se desfazer de tudo? Não fuja! Se está indo embora simplesmente para se livrar dos seus problemas, não vá! Resolva seus assuntos pendentes, livre-se do que lhe faz mal, e só então recomece a sua vida.
Leve consigo quem ama, viva sorrindo e comporte-se feito uma criança de vez em quando. 
Até que é possível sonhar e deixar tudo de lado. Todos aqueles que te amam e te detestam, se abstendo das responsabilidades. Mas isso é mesmo o certo?
Nunca pense somente em você. Viva de acordo com o que deixa sua alma mais leve, faça de tudo o que pode para continuar seguindo em frente, sem peso algum, e talvez acabe sendo feliz. 
Felicidade… É uma palavra tão simples, forte e clichê.
Mas é real. Ela existe e está mais perto do que você pode imaginar.
Texto feitor por: Michael Rios |Blog|
  
Envie seu texto,clique aqui para saber mais.

Veja também

03.set.14
Amor Textos Textos de leitores Textos e Literatura

Uma conversa com meu coração

Querido coração.
Eu sei que eu fui dura com você. Sei pelas coisas que passamos juntos. Eu queria dizer que eu sinto muito pelas coisas que ele fez. Sei que você conseguiu aguentar firme mesmo depois de todas as coisas, mesmo depois de ter se machucado tanto…
Coração, sei que os buracos ainda estão aí, mas antes de você começar a se quebrar dentro de mim, ou pedir ajuda, eu preciso que entenda uma coisa. Ei coração, ainda não me sinto segura, não estou segura de que se passou tempo suficiente. Eu nem ao menos sei o que fazer! Só me diga que eu realmente posso lidar com isso. 
Não sei mais dizer se o que sinto é realmente amor. Não sei mais definir o que é o amor, sei que só há um modo de aprender. Tentando de novo, mas eu te aviso que poderemos ser magoados novamente. Assim saberemos. É a nossa vez. Dê um tempo, espere só um pouco,  me ajude a passar por isso. Nós podemos fazer isso juntos!
Essas feridas não podem ser curadas tão facilmente, mas elas irão se fechar em algum momento, mas as cicatrizes estarão ai, para te fazer lembrar pelo que passamos. Sim coração, eu sei que dói. Mas essa dor passará, tudo voltará ao normal. Você é a minha força, a minha alma. A mágoa passará logo se continuar sendo forte. Você sempre será meu melhor amigo, sendo assim, continue aguentando.
Nós acharemos o amor novamente! Eu preciso te fazer ver que não era para ser daquele jeito, mesmo você tendo teimado tanto com a minha razão, eu sei que você queria acreditar. Eu não te culpo, sei que você foi ingênuo. Só continue firme. Sei que isso não é uma das coisas mais fáceis de serem pedidas. Mas por favor não se quebre dentro de mim, sinto tanto por tudo que passamos. 
Só peço que continue acreditando. São muitas coisas para se pedir. Eu sei disso, sei que você aguentou muito mais do que eu esperava. É a verdade, não posso negar. E Sim! Eu quero que você acredite de novo e quem sabe assim poderemos ser felizes no amor.
Texto feitor por: Cybelle Santos |Blog|
  
Envie seu texto,clique aqui para saber mais.


Follow my blog with Bloglovin

Veja também

26.ago.14
Blog da semana Blogosfera Blogueiros Dona do blog Pessoal Textos Top 5

5 coisas que aprendi sendo blogueira!

Há um tempinho atrás eu entrei em um grupo no Facebook chamado “Coisas de Blogueiras” é um grupo de interação entre os blogueiros(a) e não é grupo de divulgação, é um grupo recente, mas está crescendo rápido demais e particularmente, é um dos grupos que eu mais gosto de participar (Super indico!). 
E neste grupo surgiu uma ideia de fazer uma blogagem coletiva entre os blogueiros do grupo e eu resolvi participar, e aqui estou eu, para falar algumas coisas que aprendi sendo blogueira!
Aprendi que números não são tudo! 
Acho que toda blogueira quando começa com o blog sempre se preocupa com números de seguidores, de visitas, de comentários… Eu não vou mentir dizendo que nunca me preocupei com isso, claro que sim! Mas com o tempo eu percebi que o meu blog era o meu lugar, o meu cantinho. E aos poucos eu fui percebendo  que “quantidade” não é “qualidade”, hoje eu prefiro mil vezes um leitor fiel do que ter 100 seguidores fantasmas.
Com o blog eu passei a me preocupar mais com a qualidade, com o que me faz bem e o que é importante pra mim, e não me importar com números, status, dinheiro… Percebi que o mais importante é se sentir bem com o que faz
Aprendi a olhar o mundo com outros olhos!
Essa foi uma das melhores coisas que eu aprendi sendo blogueira, a ver o mundo com o meu olhar, com o meu jeito. Quem é blogueira sabe, tudo é inspiração! Qualquer coisa que acontecer pode se tornar uma postagem, uma fotografia, um texto… A criatividade e a imaginação não tem limites, e com o blog eu aprendi a saber enxergar além do que é visto e vê as coisas como elas são e principalmente, como eu a vejo.
Aprendi a não se importar com o que os outros pensam!
Antes de começar a entrar nesse mundo da blogosfera, eu era muito “limitada” comigo mesma, em tudo que eu fazia eu sempre colocava em primeiro lugar o que as pessoas iriam pensar, em vez de colocar no que eu me importo, no que eu penso. Com o blog eu passei a questionar mais, a ter uma mente mais aberta, a saber dizer não e sim quando precisar, a ser eu mesma e não se importar com o que as pessoas vão pensar de mim se eu usar “tal” coisa, se eu falar algo ou expor alguma opinião.
Aprendi a dar valor as coisas simples!
Quem é blogueira entende a felicidade de quando recebemos aquele comentário que é feito com o coração, que é feito com carinho; quando terminamos de criar aquele layout e fica do jeitinho que a gente quer, quando um leitor ou leitora do blog vira seu amigo… Tudo isso e muito mais dá uma felicidade tão imensa, pode ser nada para alguns, mas para outros isso pode ser muito.
Com o blog eu percebi que a felicidade são as coisas simples da vida, são coisas que o dinheiro não compra, são momentos, pessoas, lugares, são essas coisas que nos motivam!
Aprendi a me amar mais!
Desde quando eu me entendo por gente eu sempre tive problemas de auto estima e isso foi me gerando muita timidez, não me achava bonita de jeito nenhum (E por isso acabava não me cuidando) e sempre me preocupava demais com o que as pessoas achariam de mim. E depois que eu criei o blog, eu fui evoluindo junto com ele. 
Com o tempo eu fui descobrindo as coisas que eu gosto, os estilos que eu curto, descobri habilidades que não fazia ideia que teria, aprendi a gostar mais de fotografia, mais da leitura, aprendi a correr atrás de tudo que eu quero ser, dos meus objetivos, aprendi a não me importar tanto assim com a opinião dos outros, aprendi a ser mais compreensiva, a saber ouvir criticas e aceitá-las e principalmente, não ligar para isso. Consegui diminuir a minha timidez e não ter medo de encarar coisas novas… 
Enfim, se eu falar tudo que eu aprendi através do blog eu faço um livro. Quem me acompanha desde o inicio sabe muito bem em como o blog evoluiu, no inicio eu tinha vergonha de mim mesma, não publicava foto minha no blog e ninguém sabia quem eu era, e aos poucos eu fui evoluindo junto com o blog, e hoje eu não me imagino sem esse meu cantinho. Eu posso dizer que eu descobri a ser quem eu sou através do blog, se eu parar para pensar em como eu via a mim e o mundo a 3 anos atrás e como eu vejo hoje é uma diferença enorme, e não tem nada nesse mundo que compre todas essas coisas que eu aprendi sendo blogueira.
~~~~ ♥ ~~~~
Esse foi o post de hoje, eu abri meu coração para vocês e mostrei algumas coisas que eu aprendi durante todo esses anos com o blog, espero que tenham gostado, mas eu quero muito saber a opinião de vocês e também saber: O que vocês aprenderam sendo blogueira(o)?

Veja também

Página 4 de 641 ...12345678... 64Próximo