• Sobre o blog
  • Contato
  • Envie seu texto
  • Blogroll
  • FAQ
  • 11 agosto

    Eu estava doida para te chamar no chat…

    …Perguntar como estava o seu dia e como andava as coisas por aí, mas minha consciência dizia não –“Não vai não garota, larga de ser trouxa, se ele quisesse saber de você ele te chamava, ele te ligava ia até de pé te ver”. Eu escrevia “Oi, to com saudade!” e apagava no mesmo instante. Eu escrevia “Oi, tudo bom? Como anda as coisas por aí?” e apagava no mesmo momento. Até que minha ansiedade não agüentou e te mandei a letra de uma musica “I’m here without you baby But you’re still on my lonely mind (Here Without You 3 Doors Down). Lembrei de você!”. Como assim? Eu estava mandando a letra de uma musica perfeita e apaixonante para você?
    Depois de cinco minutos meu coração ficou em minha mão. Você não me respondia e eu me arrependia a cada segundo de ter te mandando aquela frase. Maria, cadê seu amor próprio, me diz? E foi assim, até demorar exatamente sete minutos para você me responder. Ainda bem que se justificou, disse que estava ocupado (deve ser com aqueles joguinhos chatos do facebook, que no meu feed de notícias aparece você atualizando) mas nada justifica a sua demora, ainda mais se estivesse jogando.
    Eu não estava tão arrependida, porque nossa conversa estava fluindo. Como é que eu estou conseguindo gostar de uma pessoa que eu sei que não vale a pena. Que eu sei, que eu vi e que eu até posso prever os sentimentos machucados. Gente, que coração bondoso é esse meu? Que só me arruma pessoas sem sentimentos, que só sabem machucar? E para falar a verdade nossa historia já começou errada, nós dois sabemos disso. Mas eu, burra, insisto.
    Não me julguem, não atirem pedras em mim. Todas nós sabemos que não tem jeito, não conseguimos controlar nossos sentimentos e quanto mais você fala “Eu não vou me apaixonar!!” mais a gente se apaixona e fim. Não tem fórmula, não tem segredo. Simplesmente acontece e é isso. Agora é tentar desviar as emoções para outra coisa, outra coisa que não seja você.
    Texto feitor por: Maria Lua |Blog|
    Envie seu texto,clique aqui para saber mais.
    Dayane Nascimento

    23 anos, carioca, estudante de Publicidade e apaixonada por fotografia, moda, decoração e qualquer outra coisa que me faça sorrir. @dayaneassiis

    Deixe uma resposta

    Seu email não será publicado.


    *


    CAPTCHA Image
    Reload Image

    1. Fashion Jacket em 11 de agosto de 2014

      Adorei o texto!!

      Beijos

      Jéssica
      Fashion Jacket – http://www.fashionjacket.com.br

    2. Renato Almeida em 11 de agosto de 2014

      Entendi completamente o que o texto quis passar, realmente quando amamos parece que nos tornamos mais vulneráveis. Definiria isso como uma das coisas ruins de amar, mas á tantas outras boas no amor.
      Gostei do seu texto, até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    3. Sthefani Monteiro em 11 de agosto de 2014

      Abri seu post por que vi num grupo do facebook, e me chamou a atenção, por ser uma coisa que acontece comigo. Adorei o texto, me identifiquei demais! E o melhor é saber que não sou a única que passa por coisa parecida! Mais amor próprio e menos sentimento por quem não merece ♥

      http://www.tekatecla.com

      • Dayane Nascimento em 12 de agosto de 2014

        Não é a única mesmo, acho que quem ainda não passou vai passar um dia, e verdade, super concordo com você!

    4. Emanuelle Regina em 11 de agosto de 2014

      Adorei o texto e me identifiquei muito. Parabéns para a escritora <3
      Beijos | http://www.doseujeito.tk

    5. Talita Lopes em 11 de agosto de 2014

      Me identifiquei com o texto porque já fiz isso! Como eu queria fazer com certa pessoa mas faltava coragem de chamar e ficava esperando no caso a janelinha do msg subir '.'

      adorei

      beijos ♥
      Talita
      Cereja Rocks

    6. Bia Muniz em 11 de agosto de 2014

      Muito bem escrito, gostei do texto…Te convido a conhecer o meu blog. Se gostar me dá uma forcinha seguindo, ctz retribuirei o carinho!
      http://www.makeolatras.blogspot.com.br
      Bjsss =]

    7. Isabelle Bissoli em 11 de agosto de 2014

      Sei bem como é isso, e a sensação que dá ao ver que ele não responde.
      Me indentifiquei super
      http://surejustnot.blogspot.com/

    8. Ali Moura em 11 de agosto de 2014

      Quem nunca passou por isso? A vontade de puxar assunto mas não saber se ele irá responder. O medo de ficar no vácuo, e de parecer desesperada!
      Adorei o texto e já enviei o meu, espero que goste!
      http://senhoritait.blogspot.com.br/

      • Dayane Nascimento em 12 de agosto de 2014

        Acho que todos já passaram haha, é muito ruim.
        Que bom que gostou e que ótimo, vou lá dá uma olhadinha ♥ ♥ ♥

    9. Thais Terra em 11 de agosto de 2014

      Que texto tudo gente! Eu adorei e me identifiquei tanto, haha.

      http://colorful-mushrooms.blogspot.com.br/

      Beijoos ;*

    10. Blog Heroínas Modernas em 12 de agosto de 2014

      No meu caso é alguém com quem nunca conversei e nem tenho nas minhas redes sociais, mas já vi pessoalmente e acho super interessante… Triiiiste, né? kkkk

      Beijos e uma ótima semana!

      Enquete com os looks do Teen Choice Awards!
      Heroínas Modernas

    11. Iasmin Cruz em 12 de agosto de 2014

      Que texto lindo, não adianta adiar quando nosso coração quer, não tem jeito enviamos sempre alguma mensagem, nem que seja um oi.

      http://www.iasmincruz.com

    12. Suzana em 12 de agosto de 2014

      Esse texto retrata um momento da minha vida… Ainda bem que já superei ! ;(

    13. Amanda Souza em 12 de agosto de 2014

      Caramba, eu me vi nesse seu texto. hahahaha
      Muito bom, muito bem escrito, parabéns.
      Beijos

      http://www.blogmeuniverso.wordpress.com

    14. Anna – Eu Crio Moda em 12 de agosto de 2014

      E quando a gnt pensa a vida vai e puf, aconteceu! Nem pede licença nem nada e já vai tomando conta, quando eu penso no meu primeiro amor eu penso no nosso primeiro beijo e em como eu fui boba e em como aquilo aconteceu haha

    15. Amanda Schuler em 12 de agosto de 2014

      Quem nunca? ehehhehe
      Vive acontecendo comigo, aliás :/
      Preciso seguir a última frase do texto!
      beijocas

      rendasepaetes.com

      • Dayane Nascimento em 12 de agosto de 2014

        Que atire a primeira pedra haha
        E siga sim, é muito ruim ficar quebrando a cara :/

    16. Ana Soares em 12 de agosto de 2014

      Amo esse tipo de texto, de história, sabe? Ai a gente já se imagina no lugar da protagonista.
      Mas quem nunca se arrependeu daquela mensagem, né? haha
      Beijos, Ana do dia

    17. Julie C em 12 de agosto de 2014

      Esse texto é muito meu. Tenho o dom de me apaixonar por caras que eu sei que não valem a pena. Espero um dia conseguir mudar isso. Beijos <3

      http://vinteedoisdedezembro.blogspot.com.br/

    18. Bárbara Ximenes em 12 de agosto de 2014

      Adorei o texto.
      Beijinhos, The Insane Girl (*≧ω≦)

    19. Carol Araujo em 12 de agosto de 2014

      Muito bom o texto,realmente esse tipo de sentimento não se tem como controlar,quando vemos já aconteceu. E essa música é linda demais. ♥
      Beijox
      http://vinteanoos.blogspot.com.br
      xx

    20. Jessi Quadros em 12 de agosto de 2014

      Que texto lindo!
      Adorei!

      Bjs
      http://www.garotadebotas.com

    21. Jéssica Urbano em 12 de agosto de 2014

      Quem nunca passou por isso, né? kkkk
      Mas o importante é aprender com o tempo que certas coisas não valem a pena ;)
      beijos!

      http://www.estrelaminha.com/

    22. Lulu on the Sky em 12 de agosto de 2014

      Todo mundo já lidou com isso algum dia na vida.
      Big beijos
      Lulu on the Sky